Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Solidariedade e animação marcam doação para asilo

Publicação:

13131053 36563 GDO
Maria Helena destacou a integração entre os adolescentes e os idosos - Foto: Dani Barcellos
Por Vanessa Felippe

Ao entrar no refeitório do Asilo Padre Cacique, na capital, uma pergunta chamou a atenção da Secretária Maria Helena Sartori: “A senhora gosta de dançar tango?”

Era a dona Osvaldina Rodrigues Pinto, 90 anos. Fã do ritmo portenho. “Quando o professor vem aqui, eu sempre danço com ele”, revelou com um sorriso.

“Gosto e sei, dona Osvaldina. O governador e eu já ficamos em segundo lugar em um concurso”, respondeu a Secretária.

Foi nesse clima de descontração que servidores da Fundação de Atendimento Socioeducativo entregaram 2.600 fraldas geriátricas para a instituição, onde moram cerca de 150 idosos.

Segundo o diretor geral, Milton Costa da Silva, eles usam, em média, oito mil unidades por mês.

A ideia partiu de um servidor da FASE. “Eu fiz de coração, porque afinal somos vizinhos. Fui falando com os colegas, e todo mundo se empolgou. Juntamos em três semanas”, disse Leandro Figueiró Oliveira, 57 anos.

Durante a entrega, o presidente da FASE, Robson Zinn, lembrou que a iniciativa se espalhou por unidades do interior, em cidades como Santa Maria, Caxias do Sul, Pelotas,  Uruguaiana e Santo Ângelo. 

Além da doação, teve show! O coral Um Novo Horizonte, da FASE, cantou para os vovôs e vovós. “Eu estou muito feliz de estar aqui e ver essa integração tão bonita entre vocês. São gestos como esse que nos mostram o que é solidariedade”, falou Maria Helena.

Depois, os moradores do asilo ainda tomaram um café da manhã especial, preparado por adolescentes que fazem oficina de culinária na FASE.

SDSTJDH - Secretaria de Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos